Wednesday, November 26, 2014

Tecnologia vestível (e do dia a dia)

   Hoje falarei de tecnologia vestível. O ano de 2014 foi o ano deste tipo de tecnologia, no entanto o que emplacou mesmo foram apenas os relógios inteligentes. Eu ainda acredito que teremos bastante novidade, porque até o meio do ano que vem, os relógios estarão consolidados e a indústria começará a procurar novas alternativas para venda, ou seja, novos gadgets!

   Vou dividir o texto em duas partes, podendo dividi-lo em dois posts! Vamos lá!

   Tecnologia Existente

   Irei começar com o que é possível e que já está no mercado, não me importando com os preços, tentarei construir um padrão de uso (ao menos como eu faria), ir inserindo os dispositivos e manter a sanidade mental (porque são gadgets demais!!!).

   Começo com o comum entre nós: celulares e tablets:

Celulares e Tablet

   Esta combinação acima é o comum entre quase todos que eu conheço (claro que variando marcas e capacidades). No nosso país, ter dois ou mais chips é questão de baixar custos (pasmem)! Eu tenho 3, usei o meu Nokia 925 para justamente fotografar os outros 3 dispositivos. Dou uso distinto para cada peça acima e me organizei de forma a dividir o uso e ter quase todos sempre carregados. O meu celular de uso diário é o Moto X com os recursos do Google e mensageria, é meu principal plano de dados e número conhecido. O iPhone é meu número alternativo, usado para corridas e tocador de música (iTunes e Spotify), além de estar sincronizado com o meu primeiro relógio inteligente que comprei há mais de 1 ano. O tablet é usado a noite apenas para leituras e controle do meu centro de mídias com Linux ligado à minha TV (que não me importo e nunca usei a função "smart"). O terceiro celular é de trabalho, usado apenas no horário comercial e para assuntos da empresa.

   Na combinação acima eu cubro 80% ou mais das pessoas ditas "normais". Vamos adicionar "coisas" neste dia a dia!!
   Relógio Inteligente Pebble:

Pebble SmartWatch

   Este foi por muito tempo a minha única peça de tecnologia vestível que tive. Me acompanha até hoje nos meus treinos de corrida e caminhadas (vide foto) me indicando tempos, velocidade e todas as notificações vindas do iPhone (todos os apps). Controlo minha playlist, verifico condições climáticas, agenda, alarmes e, eventualmente, a hora.

   O Pebble, apesar de ter espetacular tempo de bateria (dura 5 ou mais dias seguidos comigo), ser leve e simples, é limitado nas funções. Não consegue me guiar no trânsito, não me informa direções, não me possibilita dar respostas rápidas à mensagens, quase não envia ao iPhone respostas ou estímulos aos apps. Dei para ele o uso HONESTO que ele pode dar.

   E justamente por não ter tudo que o um relógio inteligente pode me dar, comprei um outro que faz dupla com o meu Pebble no uso diário:

Moto 360 SmartWatch

   O relógio inteligente da Motorola é a minha escolha para relógio diário. Com ele consigo obter todos os recursos do Google para facilitar a minha vida. Os avisos de agenda (com contagem regressiva até o horário definido), mensagens, batimento cardíaco, contador de passos e exercícios, GPS do Google Maps com vocalização do celular (interativo), comandos por voz e touch screen. O relógio, além disto tudo é muito bonito e bem acabado. Uma peça de arte!!!

   Como disse no início do texto, o Moto 360 faz dupla com o Pebble para que possa ter, ao longo do dia, o melhor de cada dispositivo e não sofrer com a falta de bateria de algum deles. Portanto, o Moto 360 é meu "daily driver" e o Pebble meu "night driver"! A exceção fica apenas quando vou sair para alguma festa ou algo parecido. Daí escolho o Moto 360 (depois de deixá-lo carregando) por ser mais bonito e útil.

   Resumindo o dia comum, portanto, chego à seguinte composição: Moto X, iPhone e Nokia 925 como meus celulares com funções distintas (poderiam ser apenas dois, mas não vou entrar no mérito da questão), o Moto 360 ligado ao Moto X e facilitando meu dia, o iPhone como meu celular para recursos supérfluos como instagram, músicas, fotos e etc. Nele tenho alguns aplicativos mais banais e que quase nunca lembro que existem como snapchat, instamessage, viber. O Nokia 925 é apenas para trabalho, portanto whatsapp para clientes, e-mail e agenda. A noite as prioridades se invertem: o iPhone junto com o Pebble controlam minhas atividades físicas e me diverte com minha playlist enquanto corro. O Moto 360 volta ao berço e fica em casa me esperando. O Nokia 925 é desligado.

   Irei dividir o post em 2, pois ainda não falei das demais vestíveis que poderia usar e COMO usaria ao longo do dia. Ainda gostaria de falar do meu iPod e JBL Flip 2 que uso no final de semana e eventualmente a noite, fora as milhares de ideias que já tive!!

   Ficam alguns links para ajudar a imaginação e até mais!!

Jawbone UP3


JBL Flip 2


The Dash
Post a Comment